Mudanças estão vindo por ai para uma das normas ISO mais utilizadas ao redor do mundo, a ISO 14001:2004, que orienta a elaboração de um sistema de gestão ambiental.

Os grupos técnicos da ISO estão trabalhando para realizar mudanças nesta e em algumas outras normas que entrarão em vigor em meados de 2015. Provavelmente, até o fim de 2014, os rascunhos serão disponibilizados para revisão, mas a organização já indicou quais serão os principais eixos de alteração na versão 2015.

A principal mudança virá para facilitar a integração desta com outras normas, através da padronização da estrutura e das exigências, facilitando a implantação de sistemas de gestão integrada. Com a revisão da ISO 9.001, que também está em curso, sem duvida haverá uma melhor harmonia entre ambas, além do fato de que, passar para um sistema de gestão integrado ficará mais fácil para quem já possui um deles.

Outra novidade será a inclusão dos stakeholders no Sistema de Gestão Ambiental (também conhecido como SGA), ampliando a importância destes no processo de gestão. Além disso, a norma contará também com a atualização dos conceitos do Sistema de Gestão Ambiental, que são ainda os mesmos desde a versão de 1996. Por exemplo, provavelmente contaremos com a ideia de estimular os impactos positivos da atividade na sociedade e não apenas se restringir aos impactos negativos e sua redução.

Uma lista de 25 sugestões de mudanças foi realizada por um dos grupo de trabalho da ISO e, entre outras sugestões que provavelmente encontraremos futuramente na nova versão, podemos citar:

  • Maior alinhamento com a ISO 26.000 (Responsabilidade Social);
  • Maior clareza e precisões nas exigências do SGA;
  • Uma estrutura que permita a implantação do SGA por pequenas e médias empresas;
  • Conceito de comprovação da conformidade legal mais bem desenvolvido; e
  • Abordagem mais clara das perspectivas de ciclo de vida e cadeia de valor na identificação e avaliação dos aspectos ambientais.

Confira a lista completa em inglês aqui: www.iso.org

Conheça o nosso serviço de adequação de empresas às leis ambientais
Clique Aqui

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *